Foram encontrados com eles US$46 milhões em carros de luxo

Segundo o site FFmania e também o twitter do @Anti-cheat Department, foi preso na China o maior grupo de criadores de hacks para jogos.

Com um faturamento de mais de 4 bilhões, o Grupo chamou atenção da Tencent, uma das empresas com mais participações nos maiores jogos da atualidade.

A empresa já havia feito operações deste tipo em 2018, mas desta vez eles se uniram com a polícia chinesa para dar um fim nisso tudo.

Parece que eles ficaram surpresos com o que encontraram, pois segundo o Globo Esporte, foram encontrados mais de U$46 milhões em bens (ou 259 milhões de reais). Entre os bens estavam diversos carros de luxo como Ferrari, Rolls-Royce e Lamborghini.

Imagem: twitter/anti-cheat department

Foram presos 10 revendedores de hacks e foram fechados 17 sites de vendas dos “produtos”. Somando todo faturamento, eles chegavam a faturar 10 mil em único dia.

O grupo desenvolvia hacks para jogos como Valorant, Free Fire, PUBG, Call of Duty e Overwatch. A Tencent tem participação em todos estes jogos, talvez por isso o empenho em prender os criminosos. Bom, parece que o negócio lucrativo deles chegou ao fim.

Com informações de Globo Esporte, Twitter/Anti-cheat Department e Free Fire Mania.


Pensando em conseguir de uma só vez todos os ovos de ouro que a galinha poderia lhe dar, ele a matou e a abriu apenas para descobrir que não havia nada dentro dela.

Esopo

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar