14.7 C
São Paulo
terça-feira, 19 outubro, 2021

E se os EUA não tivessem lançado as duas Bombas Atômicas no Japão?

Revista Mensal
Jonas Buccinihttp://www.revistaesmeril.com.br
Patriota, Conservador e Entusiasta da História Militar!

Conheça as implicações de uma invasão total ao território japonês pelos americanos

Início do Conflito

Mapa do Império Japonês no auge de sua expansão (1942 – Revista Life).

Em 7 de Dezembro de 1941, ocorreu o ataque surpresa à base naval americana de Pearl Harbor, no Hawaii, pela Marinha Imperial Japonesa. Esse ataque marca a entrada dos EUA na Segunda Guerra Mundial. Para saber mais acerca do ataque e seu contexto geopolítico, acesse nosso artigo clicando aqui.


O Japão iniciou, dessa forma, uma ofensiva surpresa que se estende a toda a área do Pacífico. Os factos de ontem falam por si. O povo dos Estados Unidos já formou a sua opinião e compreende as implicações para a vida e segurança da nação.

Discurso do Presidente Franklin D. Roosevelt (EUA) ao Congresso, 8 de Dezembro de 1941. Declaração de Guerra ao Japão

Desfecho se Aproxima

Insígnia da Marinha Imperial Japonesa.

Com o fim da Guerra no continente europeu, após a capitulação do Eixo nazi-fascista (em Maio de 1945), o mundo foi jogado em um contexto de suspense e apreensão, com um último inimigo ainda de pé e a ser derrotado pelos Aliados. Com uma postura fanática, feroz e resiliente – mais do que os parceiros já derrotados na Europa – o Império Japonês continuava de irresoluto em armas sem nenhum sinal de intenção de se render.

Operação Downfall (Invasão do Japão)

Operation Downfall - Map.jpg
Mapa operacional da invasão ao Japão (1945).

Para a invasão do Japão, os planejadores militares americanos criaram a ”Operação Downfall”, dividida em duas fases. A primeira (Olímpica), com uma invasão à ilha de Kyushu em 1° de Novembro de 1945. E a segunda (Coronet) com uma invasão de Honshu e de Tóquio, em 1° de Março de 1946.

Participariam da invasão as Tropas Aliadas já presentes no Teatro de Operações do Pacífico, reforçadas por tropas transferidas do Teatro de Operações da Europa na segunda fase. O Alto Comando Americano previu que precisariam de 1.700.000 soldados americanos e esperavam 500.000 baixas (mortos e feridos).

Implicações da Invasão

Um ataque ”Kamikaze” (vento divino) contra o encouraçado americano USS Missouri, 11 de Abril de 1945.

O Alto Comando Japonês planejou um esquema de defesa massiva, a Operação Decisiva (Ketsu Go). Com quase 3 milhões de homens com o objetivo de quebrar a moral americana por meio de uma defesa fanática desempenhando altas baixas no inimigo americano.

Essa mentalidade feroz de perseverança e de resiliência perante o invasor foi testemunhada pelos próprios soldados e fuzileiros americanos, que avançavam no Pacífico desde 1942, de Guadalcanal a Saipan, de Tarawa a Iwo Jima, a bravura e tenacidade do soldado japonês era inegável.

As baixas civis são incalculáveis, já que os japoneses deliberadamente não tinham nenhum plano de evacuar os civis da área de batalha, mas que também se sacrificassem pelo Imperador. As iniciativas ”Kamikaze” (vento divino) seriam utilizadas a exaustão.

Resultado

Explosão de ”Fat Man” em Nagasaki (Japão), Agosto de 1945.

Na madrugada do dia 06 de Agosto de 1945, um Bombardeiro B-29 (de apelido ”Enola Gay”), decola das Ilhas Marianas armado com uma bomba de urânio (de apelido ”Little Boy”). As 08:15 a bomba explode a cerca de 580 metros acima da cidade de Hiroshima, matando mais de 140 mil pessoas e destruindo uma enorme área.

Às 3:47 da madrugada de 09 de Agosto de 1945, um Bombardeiro B-29 (de apelido ”Bock’s Car), decolou das Ilhas Marianas armada com uma bomba de plutônio (de apelido ”Fat Man”). Era 40% mais poderosa do que a bomba que explodira em Hiroshima poucos dias antes (06). A bomba explodiu na cidade portuária de Nagasaki às 11:02, a cerca de 500 metros de altitude, matando 40 mil pessoas.

Ao meio-dia de 15 de Agosto de 1945 (horário do Japão), o Imperador Hirohito anunciou a rendição de seu país em uma transmissão de rádio. A rendição formal foi assinada em 2 de Setembro, a bordo do navio de guerra americano Missouri, ancorado na baía de Tóquio. Era o fim da Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Kantai Collection discussion thread - Page 1557 - Off-Topic - World of  Warships official forum
Demonstração de força da armada americana na baía de Tóquio (Japão) em 02 de Setembro de 1945, durante a rendição japonesa.

A invasão anfíbia ao Japão não ocorreu. Podemos afirmar então que a morte de centenas de milhares de civis evitou a morte de dezenas de milhões? Eis os horrores incalculáveis da mentalidade de algo tão insano quanto a Guerra. Acredito que vidas humanas não devem ser meros objetos numéricos e facilmente processados por uma mentalidade burocrática. A reflexão que deveria ser feita é o que poderia ter evitado a Guerra como um todo. Abordaremos isso em breve em nossa coluna.

Referência

Operations Downfall and Ketsugo – November 1945, Naval History and Heritage Command, acessado pela última vez em 14 de Agosto de 2021 – https://www.history.navy.mil/about-us/leadership/director/directors-corner/h-grams/h-gram-057/h-057-1.html


Com confiança nas nossas forças armadas, com a grande determinação do nosso povo, iremos alcançar o inevitável triunfo – assim Deus nos ajude.

Discurso do Presidente Franklin D. Roosevelt (EUA) ao Congresso, 8 de Dezembro de 1941. Declaração de Guerra ao Japão

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

Esmeril Editora e Cultura. Todos os direitos reservados. 2021
- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

A TERCEIRA GUERRA MUNDIAL JÁ COMEÇOU?

Guerra Biológica (Vírus), Guerra Psicológica (Mídia), Guerra Econômica (Embargos) e Guerra Cibernética (Instabilidade em Aplicativos) “A guerra não é mais...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img