23.5 C
São Paulo
sábado, 28 maio, 2022

DOSE DE FÉ | João de Kenty

Revista Mensal
Leônidas Pellegrini
Professor, escritor e revisor.

Professor e peregrino, o padre polonês João de Kenty foi exemplo de mestre que ensina à luz da fé e da caridade

Hoje é dia de São João de Kenty, ou São João Câncio, sacerdote.

Nascido no povoado de Kenty, na Polônia, em 1390, João passou sua vida toda em Cracóvia, em cuja Universidade foi professor de Filosofia e Teologia. Foi preceptor dos príncipes da casa real polonesa.

Enquanto professor, João tinha como objetivo a transmissão do conhecimento e da fé. Quando assumiu a cátedra universitária, estava no auge a controvérsia revolucionária hussita, que ele enfrentou com sabedoria e caridade – caridade, aliás, era uma de suas maiores virtudes.

João de Kenty também foi um grande peregrino. Fez várias peregrinações e romarias aos túmulos dos mártires de Roma e à Terra Santa. Conta-se que, em uma dessas viagens, foi assaltado e, como os ladrões tivessem esquecido de lhe levar algumas moedas que trazia no bolso, correu atrás deles para entregá-las.  

Faleceu na noite de Natal de 1473, aos 83 anos. Foi canonizado por Clemente II em 1767. Em 1979, São João Paulo II, em visita à Polônia, consagrou uma capela em homenagem a São João de Kenty, Padroeiro do país, na Catedral de São Floriano, em Varsóvia.

São João de Kenty, rogai por nós!

 

João e os ladrões

 

Em romaria a Roma ia João,

quando foi surpreendido por ladrões,

que lhe levaram tudo e, aos safanões,

deixaram-no caído ali no chão,

 

e enquanto dava graças em oração,

o padre viu num bolso, entre botões,

moedas que os incautos fanfarrões

deixaram de levar, e pôs-se, então,

 

a atrás deles correr para entregar

os espólios deixados esquecidos,

e vendo os trocadinhos a brilhar,

 

prostraram-se os ladrões envergonhados

e ali se ajoelharam convertidos,

nos Céus gerando festas, risos, brados.


Gosta do nosso conteúdo? Assine a Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

 

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

Finados

Finados   I Dos bisos conheci o Nona e a Nono, avós do pai, bem pouco conhecidos, na verdade, em seus mundos recolhidos, alçados quase...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img