sexta-feira 19, agosto 2022
11.4 C
São Paulo

DOSE DE FÉ | Irineu de Lyon

Leônidas Pellegrini
Leônidas Pellegrini
Professor, escritor e revisor.

Bispo, mártir e Doutor da Igreja, Santo Irineu de Lyon combateu inúmeras heresias do século II

Hoje é dia de Santo Irineu de Lyon, Bispo, mártir e Doutor da Igreja.

Nascido na ilha grega de Esmirna, no ano 130, Irineu era de família cristã. Foi discípulo de São Policarpo, que, por sua vez, fora discípulo de São João Evangelista. Nomeado Bispo por São Policarpo, rumou para a região da Gália (atual França), onde trabalhou auxiliando São Potino, primeiro Bispo de Lyon.

Em 177, com o martírio de Potino, durante as perseguições de Marco Aurélio, Irineu assumiu a direção da diocese de Lyon. Intensificou seu trabalho de evangelização e de combate a heresias diversas na Gália, sobretudo o montanismo e inúmeras variantes do gnosticismo.

O trabalho de Santo Irineu frente as heresias de seu tempo também se desenvolveu no campo intelectual. Sua obra mais importante é justamente o livro Contra as heresias, em que trata das mais diversas correntes heréticas da época, e apresenta um quadro vivo das dificuldades na luta contra esse conjunto de heterodoxias.

Santo Irineu foi martirizado em 28 de junho de 202, durante as perseguições do imperador Severo. Em janeiro deste ano, foi declarado Doutor da Igreja pelo Papa Francisco.

Santo Irineu de Lyon, rogai por nós!

 

A Santo Irineu de Lião

 

Em tempo de pouca fé

e muita ideologia,

reina sobre nosso mundo

todo tipo de heresia.

Invoque, pois, o cristão,

Santo Irineu de Lião.

 

Há padres impenitentes,

há bispo herege e ativista,

e para que de sua fé

não facilmente desista,

convém que o fiel cristão

reze a Irineu de Lião.

 

Nas igrejas, só feiura,

e a missa virou baderna;

convém, pois, que pra manter

a Comunhão Sempiterna,

se espelhe o fiel cristão

em Irineu de Lião.

 

Todo o mal na Santa Igreja

combata o cristão fiel,

com Jesus, José, Maria

e toda a Corte do Céu,

não esquecendo a oração

para Irineu de Lião.

 

Mais duas estrofezinhas

convém aqui recitar

para que com maestria

possa o poema acabar,

com mais uma elocução

ao Santo Bispo de Lião:

 

abaixo as falsas doutrinas,

abaixo o ideologismo,

abaixo toda a heresia,

da mais velha ao modernismo;

viva Nossa Santa Igreja,

de sacrifício e de amor,

vivam José e Maria,

e viva Nosso Senhor,

e na última saudação,

viva Irineu de Lião!


Esse conteúdo é exclusivo para assinantes da Revista Esmeril.

1 COMENTÁRIO

  1. (…)”viva Nossa Santa Igreja,

    de sacrifício e de amor,

    vivam José e Maria,

    e viva Nosso Senhor,

    e na última saudação,

    viva Irineu de Lião!”

    Santo Irineu de Lyon, rogai por nós!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Abertos

Últimos do Autor