16 C
São Paulo
terça-feira, 19 outubro, 2021

Museu do Louvre recupera armadura renascentista 38 anos depois do surrupio do artefato

Revista Mensal
Vitor Marcolinhttps://lletrasvirtuais.blogspot.com/
Apenas mais um dos milhares de alunos do COF. Non nobis Domine.

As peças foram doadas ao museu em 1922 pelos Rothschild, a misteriosa família de banqueiros bilionária

No dia 31 de maio de 1983, a polícia de Paris registrou o furto de duas peças de uma armadura renascentista pertencente ao acervo do Museu do Louvre. Segundo o portal de notícias Live Science, no início deste ano os objetos históricos foram devolvidos ao Museu, depois de longos 38 anos desaparecidos. A armadura fabricada em Milão data da segunda metade do século XVI, com a sua elaboração estimada entre os anos de 1560 e 1580.

A agência de mídia francesa Agence France-Presse (AFP) informou que os objetos, fabricados em metal reforçado, têm adornos incrustados em ouro e prata. O valor da peça é tão extraordinário quanto a produção artística do período histórico da sua fabricação: a peça é estimada em 603 mil Euros, convertidos para o padrão monetário tupiniquim, o brasileiro que a quisesse comprar — se a armadura estivesse oficialmente à venda — teria que desembolsar cerca de 4,16 milhões de Reais!

Pega ladrão!

Em janeiro, um especialista em antiguidades militares que se encontrava em Bordeaux, no sudoeste da França, recebeu o chamado de um leiloeiro para uma avaliação. Assim que chegou ao local, o especialista suspeitou das origens dos objetos e, imediatamente, avisou as autoridades do Escritório Central Francês de Luta contra o Tráfico de Bens Culturais (OCBC) sobre as suas suspeitas. De fato, a armadura constava nos registros de objetos roubados mantidos pela Treima, o banco de dados no qual estão armazenadas cerca de 110 mil fotos de mais de 32 mil obras de arte e outros artefatos roubados.

O curador de obras de arte do Museu do Louvre Philippe Malgouyres, disse em entrevista à AFP que o fato do capacete e do peitoral da armadura serem adornados com desenhos em ouro e prata faz com que eles sejam considerados “armas de prestígio feitas com virtuosismo“. Malgouyres disse ainda que o conjunto de proteção bélica poderia ser comparado, em valor monetário e prestígio social a quem os possuiu, a um “carro de luxo hoje“.

“Eu tinha certeza de que um dia os veríamos reaparecer, porque são objetos muito singulares. Mas eu nunca poderia ter imaginado que daria tão certo – que eles estariam na França e continuariam juntos”.

Philippe Malgouyres, curador de obras de arte do Museu do Louvre, à AFP.

No entanto, como os objetos foram roubados permanece um completo mistério.

Devoluções são comuns

A devolução dos objetos históricos surrupiados dos museus da Europa é muito mais comum do que as pessoas comuns imaginam. No início de fevereiro, a veiculação da notícia de que uma peça subtraída de um sítio arqueológico de Pompeia há 50 anos fora, finalmente, devolvida, impressionou muitas pessoas. Massimo Ossana, diretor-geral interino da Superintendência Arqueológica de Pompeia, ajudou a impressionar os leitores quando afirmou que objetos roubados retornavam pelo correio “quase que semanalmente“.

O mais famoso atentado contra um acervo de museu aconteceu em 1911, quando Vincenzo Peruggia, um italiano patriota que desejava levar de volta o tesouro que Napoleão roubara do seu país, surrupiou a Mona Lisa. A consagrada obra de Da Vinci só retornaria para o Louvre dois anos depois, quando a polícia prendeu o italiano espertinho.

Com informações do portal de notícias Live Science e do site Aventuras na História — UOL.

“A beleza provoca o ladrão mais do que o ouro”.

— William Shakespeare.

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

CRÔNICA丨Perda

Afrânio era um aprendiz de tipógrafo na Corte que, depois do trabalho nas oficinas da Rua da Guarda Velha,...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img