23.6 C
São Paulo
domingo, 19 setembro, 2021

E se a Operação Valquíria (tentativa de assassinato de Hitler) tivesse dado certo?

Revista Mensal
Jonas Buccinihttp://www.revistaesmeril.com.br
Patriota, Conservador e Entusiasta da História Militar!

Conheça as prováveis implicações se o plano dos oficiais aristocratas alemães fosse bem sucedido

Na última terça (20), foi o 77° aniversário da Operação Valquíria, que foi rememorado com um artigo que você pode acessar clicando aqui. A operação foi nada menos que uma conspiração para assassinar o Führer Adolf Hitler e tomar o Poder das mãos do Partido Nacional-Socialista. A Operação Valquíria era um plano operacional de emergência, desenvolvido para o Exército de Reserva do Exército Alemão (Wehrmacht Heer) tomar o controle da nação em caso de um rompimento da Lei e da Ordem em um cenário de Crise.

Claus von Stauffenberg (na esquerda) encontrando Adolf Hitler na Toca do Lobo.

Já que a Wehrmacht não estava sob os tentáculos diretos das forças paramilitares do Partido Nazista, como a SS (Schutzstaffel), o seu acionamento poderia ser um álibi perfeito para um potencial Golpe de Estado contra os Nazistas. Mas para isso precisariam eliminar a cabeça da serpente. O desfecho dessa operação pode ser lido em nosso artigo.

File:Bundesarchiv Bild 146-1970-097-76, Hitler-Attentat vom 20. Juli  1944.jpg - Wikimedia Commons
Hitler e Mussolini no próprio dia 20 de Julho de 1944 vendo os resultados da explosão.

Tendo em mente o resultado da operação na prática, muitos questionaram nos comentários das Redes Sociais se não bastava somente matar Hitler para ”resolver o problema”. Creio que não, se estivéssemos falando de um período pré-conflito, ou até mesmo dos primórdios do partido ou da corrida eleitoral, matar a pessoa de Adolf Hitler realmente resolveria. Mas em 1944, após cinco anos de conflito, a maior ameaça ao mundo não era a pessoa em si de Hitler, mas seus ideais que permeavam toda uma sociedade e estrutura militar e política de um continente.

In Aftermath of Assassination Attempt, Hitler Meets with Injured Survivors  (VIDEO)
Adolf Hitler visitando no Hospital os oficiais que estavam com ele na tentativa de assassinato. Note no tampão no ouvido direito do Ditador, por conta dos ferimentos da explosão.

Por isso, a Operação Valquíria não focava somente em assassinar Hitler, mas também retirar o Poder político-militar dos Nazistas como um todo.

Mas quais seriam as implicações internas e externas se a operação tivesse sido bem sucedida?

Obviamente os pontos que serão agora abordados são apenas especulações de uma imaginação fértil, que gosta do tema como vocês, não necessitando de que ninguém diga o óbvio de que ”isso não aconteceu”.

Cenário 1

A operação é bem sucedida, a reserva estratégica da Wehrmacht prende e acusa pelo assassinato do Ditador as lideranças da cúpula partidária Nazista (NSDAP, SS, SD, GESTAPO, etc). Novo governo constituído abre um diálogo com os EUA e Inglaterra – para que juntos mirem contra o ”perigo expansionista vermelho soviético” no Leste Europeu.

Cenário 2

Mesmo com um novo governo constituído, os Aliados prosseguem com os seus avanços militares e utilizam os desenrolares da Operação Valquíria para desmoralizar perante a população alemã as fragilidades do seu sistema político. Causando ebulição interna e queda repentina do novo governo – e como resultado lógico – das forças militares alemãs nas duas frentes de batalha.

Cenário 3

Todos os objetivos da operação são conquistados, mas a inteligência nazista remanescente consegue descobrir em tempo recorde a conspiração que ocorreu e formam forças paramilitares de ”resistência” contra o novo governo constituído, causando uma nova onda de desestabilização interna na Alemanha.

Conclusão

São muitos cenários possíveis para saber com exatidão o que iria ocorrer se a operação fosse bem sucedida. Mas na minha visão, esses seriam os três cenários mais prováveis. Contudo, é fato que a derrota e a subjugação da Alemanha pelos inimigos eram iminentes.

Com a derrota alemã em Stalingrado (em Fevereiro de 1943) e com o avanço Aliado a partir do Dia-D na Normandia-França (em Junho de 1944), a posição alemã no conflito se tornara insustentável. Qualquer fosse o resultado da operação, um grande barril de pólvora os aguardava.

Referência

July Plot, Britannica, acessado pela última vez em 20 de Julho de 2021 – https://www.britannica.com/event/July-Plot


Enquanto a filosofia que declara uma raça superior e outra inferior não for finalmente e permanentemente desacreditada e abandonada; enquanto não deixarem de existir cidadãos de primeira e segunda categoria de qualquer nação; enquanto a cor da pele de uma pessoa não for mais importante que a cor dos seus olhos; enquanto não forem garantidos a todos por igual os direitos humanos básicos, sem olhar a raças, até esse dia, os sonhos de paz duradoura, cidadania e governo icontinuarão a ser uma ilusão fugaz, a ser perseguida mas nunca alcançada.

– Liga das Nações, Discurso da Majestade Imperial Haile Selassie I (Ras Tafari), Imperador da Etiópia, 1936.

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

A TERCEIRA GUERRA MUNDIAL JÁ COMEÇOU?

Guerra Biológica (Vírus), Guerra Psicológica (Mídia), Guerra Econômica (Embargos) e Guerra Cibernética (Instabilidade em Aplicativos) “A guerra não é mais...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img