21.9 C
São Paulo
domingo, 28 novembro, 2021

DOSE DE FÉ | André Dung-Lac e companheiros

Revista Mensal
Leônidas Pellegrini
Professor, escritor e revisor.

Sacerdote vietnamita, foi martirizado junto com outros 116 companheiros

A evangelização do Vietnã remonta ao século XVI, sobretudo pela ação de missionários espanhóis e franceses. Durante quatro séculos, a Igreja foi duramente perseguida naquele país, com uma trégua de 70 anos, até os cristãos voltarem a ser perseguidos pelos comunistas nos anos 50 do século XX. Durante os períodos de perseguição, houve milhares de assassinatos, com o martírio de bispos, padres, missionários, seminaristas e fiéis leigos.

Um dos mártires vietnamitas que se destacam é o sacerdote e missionário André Dung-Lac. Preso diversas vezes pelo governo local, acabou sendo decapitado, junto com outros 116 companheiros, em 24 de novembro de 1839. Santo André-Dung-Lac, rogai por nós!

 

Os 117

 

Na quarta década do séc’lo retrasado,

o sacerdote André Dung-Lac e outros cento

e dezesseis fiéis cristãos, pelo tormento

padecem da perseguição. Aprisionado,

 

pelos seus roga André, porém, resignado,

seus rogos sabe que serão clamor ao vento,

e orando a Deus, aguarda o bárbaro momento

de sua execução. É enfim decapitado,

 

seguido pelos cento e dezesseis amigos,

mulheres, homens, crianças, nobres e mendigos,

martirizados todos pela fé cristã

 

à qual negaram renunciar no Vietnã.

Rogai por nós cristãos, ó cento e dezessete,

porque vosso martírio inda hoje se repete!


Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

Finados

Finados   I Dos bisos conheci o Nona e a Nono, avós do pai, bem pouco conhecidos, na verdade, em seus mundos recolhidos, alçados quase...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img