13.4 C
São Paulo
quinta-feira, 21 outubro, 2021

Donald Trump aciona Guarda Nacional após invasão do Congresso dos EUA

Revista Mensal
Claudio Dirani
Mais de 20 anos de experiência em diversas áreas da comunicação, incluindo marketing, rádio jornalismo e jornalismo esportivo, político e de variedades. Também é compositor e autor de cinco publicações, incluindo "MASTERS: Paul McCartney em discos e canções."

Durante o incidente, mulher acabou baleada no Capitólio. Esquadrão antibombas detectou explosivo caseiro na região

Eleições Americanas – Na trilha de um dos incontáveis memes que surgiram após os incidentes de hoje à tarde, em Washington D.C, não dá para discordar: certamente nenhum agente soviético da KGB em plena Guerra Fria sonharia em ver o Capitólio invadido em plena Sessão Conjunta do Congresso Norte Americano.

Não foi sonho. Ou melhor: pesadelo. Minutos após o vice-presidente – e hoje, presidente do senado – rejeitar o apelo de 60 congressistas para rever a certificação de votos do Arizona, o Capitólio começou a ser invadido por manifestantes que cercavam o local. Em bando, eles escalaram paredes, passaram por barreiras de segurança até chegar no hall dos deputados.

Em meio ao tumulto, uma mulher acabou baleada. Para conter os invasores, Trump convocou membros da Guarda Nacional, além da polícia local. Membros do Esquadrão antibombas também se deslocaram para o edifício. Após inspeção, explosivos caseiros foram encontrados.

Pelo Twitter, apoiadores de Donald Trump tentaram identificar alguns dos “supostos apoiadores do presidente”. Em uma imagem postada agora há pouco, um deles aparenta ser o mesmo individuo que atuou em passeata do grupo Black Live Matters no início de 2020.

Trump se decepciona com Pence

Como esperado, os EUA começaram agitados. No comício de Trump na Georgia, mais de 400 mil simpatizantes apareceram, confiantes em uma possível mudança durante a Sessão Conjunta na capital.

Em contraste à multidão conservadora, pouco mais de 2 mil estiveram no comício do democrata Joe Biden.

Quando o evento que previa a certificação ou não dos votos do Colégio Eleitoral começou exatamente às 13 horas (horário de Washington D.C), os ânimos dos republicanos despencaram. Ao saber que Pence declinara o apelo dos 60 congressistas do Arizona, Donald Trump postou no Twitter:

https://twitter.com/realDonaldTrump/status/1346900434540240897

“Mike Pence não teve a coragem de fazer o que deveria ser feito para proteger nosso país e nossa constituição, ao dar aos Estados a chance de certificar uma série de fatos corrigidos – não os fraudulentos ou imprecisos que eles tinham certificado. Os EUA demandam a verdade!”

Donald trump
- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

ENSAIO丨O Muro Invi$ível

Guiado por um ultraliberal, o Brasil dá seus primeiros passos para se livrar de foices, martelos e escombros da...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img