quarta-feira 17, agosto 2022
19.6 C
São Paulo

PATRIMÔNIO E MEMÓRIA丨 O rir de si mesmo e a sobrevivência do brasileiro

Nati Jaremko
Nati Jaremkohttps://medium.com/@naty.jaremko
Tentando sobreviver ao mestrado em história e uma grande curiosa nesse mundo do conhecimento. Libertária. Gosto quando posso falar e pensar livremente. Começando a escrever umas coisinhas aqui e ali.

Como Veríssimo exprime na crônica a alma risível e risonha do brasileiro Luis Fernando Verissimo captou a essência dúbia do brasileiro já pelo modo como escolheu expressar as peripécias desse povo: a crônica, gênero da escrita que acomoda realismo e exagero, melancolia e humor. No Brasil, a gente ri do que leva a sério, debochamos…

Este conteúdo é exclusivo para assinantes da Revista Esmeril. Assine já e confira as matérias dessa edição e de todo nosso acervo.
Assine ou faça seu login Login

Abertos

Últimos do Autor