19.4 C
São Paulo
quinta-feira, 28 outubro, 2021

Papa Francisco dirige-se a cientistas durante encontro internacional

Revista Mensal
Vitor Marcolinhttps://lletrasvirtuais.blogspot.com/
Apenas mais um dos milhares de alunos do COF. Non nobis Domine.

O Pontífice ressaltou que “(…) não se deve ocultar o risco de um progresso científico ser considerado a única abordagem possível para se entender um aspecto da vida, da sociedade e do mundo”

O encontro internacional “A Ciência pela Paz“, realizado entre os dias 2 e 3 de julho por ocasião do Jubileu do Santuário de São Gabriel, recebeu a visita do Papa. Através de uma mensagem gravada especialmente para a ocasião, o Sumo Pontífice dirigiu-se aos participantes com mensagens que objetivaram chamar a atenção para a realidade plena do homem; e para as responsabilidades dos homens de ciência para com a sociedade. O Santuário de São Gabriel localiza-se ao lado do Instituto Nacional de Física Nuclear, o evento fora organizado pela Universidade de Teramo.

“Este encontro é um grande presente de esperança para toda a humanidade”.

Palavras iniciais do Papa Francisco durante sua mensagem aos participantes do encontro.

“Mais do que nunca como neste momento vemos a necessidade de um relançamento da pesquisa científica a fim de enfrentar os desafios da sociedade contemporânea”.

O Sumo Pontífice faz referência à realidade da pandemia.

O Papa preocupou-se em chamar a atenção dos participantes do encontro para a realidade espiritual que integra a condição humana; e, em função disto, a incoerência dos supostos conflitos entre a Religião e a Ciência.

“É urgente conhecer a realidade para construirmos juntos. Para que o desejo de conhecimento, que se esconde no coração de cada homem e de cada mulher, possa crescer e se desenvolver, a pesquisa científica deve colocar seu conhecimento a serviço de todos, buscando sempre novas formas de colaboração, o intercâmbio de resultados e de construção de redes. Por isso, não se deve ocultar o risco de um progresso científico ser considerado a única abordagem possível para se entender um aspecto da vida, da sociedade e do mundo”.

Papa Francisco.

Aproveitando-se do momento oportuno — e quiçá urgente — o Santo Padre pondera sobre a realidade da pandemia; sobre os desafios que ela impõe à comunidade científica. O Pontífice preocupa-se também com o impacto que esta doença (seja lá qual for a sua origem) tem sobre a vida comum das famílias.

“A experiência da emergência sanitária, mais do que nunca, e de certo modo com maior urgência, pede ao mundo da ciência para repensar as perspectivas da prevenção, da terapia e da organização da saúde, levando em conta as repercussões antropológicas ligadas à convivência social e a qualidade das relações entre familiares e, acima de tudo, entre as gerações”.

O Papa.

Historicamente é notório o uso da Ciência, enquanto instrumento político, para fins negativos e, muitas vezes, macabros. Basta observar, por exemplo, o desenvolvimento da indústria bélica no último século, e as novas possibilidades de controle social engendradas por tecnologias ultramodernas. No entanto, no arremate de sua mensagem, o Papa, esperançosamente, fala sobre a honestidade na prática da Ciência; daquela honestidade essencial sem a qual o acesso à Verdade está vedado.

“Peço-lhes que acompanhem a formação das novas gerações, ensinando-lhes a não ter medo do esforço de pesquisa. Também o Mestre se faz procurar: Ele infunde em todos a certeza de que quando se busca com honestidade se encontra a verdade. Esta mudança de época precisa de novos discípulos do conhecimento, e vocês, queridos cientistas, são os mestres de uma nova geração de construtores de paz”.

O Santo Padre conclui sua mensagem.

Com informações do portal Vatican News.

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

CRÔNICA丨Perda

Afrânio era um aprendiz de tipógrafo na Corte que, depois do trabalho nas oficinas da Rua da Guarda Velha,...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img