17.4 C
São Paulo
terça-feira, 26 outubro, 2021

ENSAIO丨Traduções: Grandezas e Pequenezas

Revista Mensal
Marco Frenette
A ordem das coisas: amor, família, trabalho, amigos, golfe, literatura, cinema e natação. Nomes permanentes em meu imaginário: Tom Waits, Roger Scruton, The Clash, Fat Boy Slim, Marianne Faithfull, Van Gogh, Pedro Nava e John Fante.

As metáforas sobre o ofício da tradução literária já se acumulam há séculos. Vejam algumas elencadas por John Milton em seu excelente “Tradução: Teoria e Prática”, e por Theo Hermans em seu ensaio sobre a tradução na Renascença: “É o avesso de uma bela tapeçaria”; “É a luz da vela comparada à luz do sol”;…

Este conteúdo é apenas para associados Assinatura mensal, Assinatura trimestral, Assinatura semestral, e Assinatura anual.
Conecte-se Cadastre-se
- Advertisement -spot_img
Mais do Autor

ENSAIO丨O homem tríplice e suas armas

Para uma nação tornar-se forte e livre, a maioria de seus cidadãos precisa ter, em médio ou alto grau,...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img