31 C
São Paulo
quinta-feira, 27 janeiro, 2022

Destro 2: a distopia continua…

Revista Mensal
Leônidas Pellegrini
Professor, escritor e revisor.

A trama distópica de um totalitário futuro dominado pelas Big Techs prossegue

Há alguns dias estão chegando para os apoiadores da campanha de edição da HQ Destro 2, de Luciano Cunha, os exemplares financiados. O meu chegou na última sexta-feira e já li no mesmo dia. Recomendo.

Como esperado, a continuação não decepciona: com aprofundamento nas histórias dos personagens e ramificações de subtramas que desvendam segredos e trazem novas complicações a serem desenvolvidas.

Segundo o próprio Luciano Cunha tem declarado nas redes sociais, a história, em seu melhor estilo “tiro, porrada e bomba”, não envolve qualquer tipo de “previsão” ou “profecia” – com têm sugerido alguns leitores espantados -, mas é tão somente fruto de uma leitura objetiva de acontecimentos presentes e do rumo a que está se encaminhando o mundo. O autor, inclusive, roga para que a aventura “fique no campo da ficção”.

A arte de Bruno Lima e (alerta de spoiler!) um crossover com outro famoso herói de Cunha coroam a edição.

Se você não financiou Destro 2, não se preocupe: a HQ pode ser adquirida nas livrarias filiadas ao CEDET ou no próprio site da Super Prumo. Não perca tempo, adquira o seu e divirta-se!

Assine Esmeril e tenha acesso a conteúdo de Alta Cultura. Assine!
- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

Finados

Finados   I Dos bisos conheci o Nona e a Nono, avós do pai, bem pouco conhecidos, na verdade, em seus mundos recolhidos, alçados quase...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img