18.5 C
São Paulo
domingo, 5 dezembro, 2021

La Palma: registrado o maior terremoto desde o início das erupções vulcânicas na ilha

Revista Mensal
Vitor Marcolinhttps://lletrasvirtuais.blogspot.com/
Apenas mais um dos milhares de alunos do COF. Non nobis Domine.

Este foi o mais intenso terremoto desde que o vulcão Cumbre Vieja começou a expelir lava há dois meses

A ilha de La Palma, uma das ilhas que integram o arquipélago das Ilhas Canárias — território ultramarino espanhol –, foi sacudida nesta sexta-feira, 19, pelo maior terremoto desde o início da trágica erupção vulcânica do Cumbre Vieja, em setembro. Descrito pelos geólogos como um “terremoto de longa duração”, os abalos sísmicos foram percebidos na maior das Ilhas Canárias, a Ilha de Tenerife, que dista cerca de 90 Km de La Palma.

O epicentro do terremoto, segundo os geólogos, ocorrera a uma profundidade de 37 Km a Sudoeste da Villa de Mazo — outra das ilhas do arquipélago espanhol. Os abalos ultimamente registrados, no entanto, foram mais uma sequência de tremores cuja magnitude muito se assemelha às registradas no começo da crise do Cumbre Vieja.

Desde outubro de 1971 os habitantes da ilha de La Palma não testemunhavam uma erupção vulcânica. Naquela ocasião, o vulcão Teneguia cuspiu fogo durante três semanas. La Palma, que congrega uma população de 85 mil habitantes, é uma das oito ilhas do Arquipélago das Canárias. O ponto mais próximo do arquipélago espanhol com o continente africano está a 100 Km do Marrocos. As Ilhas Canárias estão a 460 Km da Ilha da Madeira — território ultramarino português — e a 1.428 km da Ilha do Sal, pertencente a Cabo Verde.

Com informações do portal de meteorologia MetSul.

“(…) e haverá fomes e terremotos em vários lugares. Mas todas essas coisas são o princípio das dores”.

São Mateus XXIV

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

CRÔNICA丨Perda

Afrânio era um aprendiz de tipógrafo na Corte que, depois do trabalho nas oficinas da Rua da Guarda Velha,...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img