27.1 C
São Paulo
quinta-feira, 27 janeiro, 2022

DOSE DE FÉ | Saturnino de Toulouse

Revista Mensal
Leônidas Pellegrini
Professor, escritor e revisor.

Fiel a Jesus, o primeiro Bipso de Toulouse foi esfacelado ao ser arrastado por um touro

Hoje é dia de São Saturnino de Toulouse, bispo e mártir.

De origem grega, religioso da Igreja Primitiva, foi o primeiro bispo de Toulouse, nos anos 250, sob o consulado de Décio. Toulouse, na época, era região de muita descrença, com decréscimo progressivo do número de cristãos. Saturnino, que por onde andava – já havia percorrido Egito, Roma e Gália – convertia grande número de infiéis, passou a exercer por lá seu apostolado.

Durante uma missa clandestina em um domingo, Saturnino foi preso com outros 48 cristãos, e as autoridades romanas quiseram-no obrigar a imolar um touro em honra a Júpiter. Como ele recusasse, foi amarrado pelos pés ao pescoço do animal, que o arrastou pelas escadarias do templo. Seus membros foram esfacelados e seus restos foram recolhidos e enterrados por duas cristãs piedosas. Um século mais tarde, no local, Santo Hilário construiu uma capela de madeira, posteriormente destruída. No entanto, no século VI, as relíquias de São Saturnino foram encontradas por um duque francês, que mandou erguer a igreja de Nossa Senhora de Taur, a ele dedicada.

São Saturnino é uma das devoções mais populares na Espanha e na França, e é considerado o Padroeiro dos toureiros.

São Saturnino de Toulouse, rogai por nós!

Interior da Igreja de Nossa Senhora da Taur

 

A Paixão de Saturnino

 

Sob as patas de Décio, Saturnino

padeceu em Toulouse quando um dia,

em honra ao sacrifício do Deus Trino

ilegal cerimônia presidia.

 

Como se recusasse ao desatino

de dispensar a Júpiter honraria,

selou ali sacrificial destino,

e holocausto ele próprio, enfim, seria.

 

Foi amarrado a um touro, e em disparada,

arrastou-o animal e o estraçalhou,

e horrenda, sua carcaça destroçada

 

às ruas de Toulouse se espalhou,

mas firme, forte e inteiro qual jamais,

juntou-se às santas hostes celestiais.

 


Assine Esmeril e tenha acesso a conteúdo de Alta Cultura. Assine!

 

 

- Advertisement -spot_img

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

Finados

Finados   I Dos bisos conheci o Nona e a Nono, avós do pai, bem pouco conhecidos, na verdade, em seus mundos recolhidos, alçados quase...
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img