Ex-Ministro da Educação é alvo por ter denunciado suposta utilização de Universidades Públicas para produção e tráfico de drogas

A procuradora Luciana Loureiro Oliveira, do Ministério Público Federal (MPF) denunciou o Ex-Ministro da Educação, Abraham Weintraub, por suposto crime de ‘improbidade administrativa’. A procuradora alega que Weintraub cometeu o crime ao denunciar produção e tráfico de drogas dentro das Universidades, noticiou a Gazeta do Povo.

Através de seu perfil no Twitter, Abraham e seu irmão Arthur expuseram sua indignação frente ao processo, enviado em 15 de abril último, que pede a suspensão dos direitos políticos do Ex-Ministro. Weintraub é especulado para candidatura ao Governo de São Paulo, nas eleições do próximo ano.

Leia aqui a íntegra da denúncia a Weintraub.

Com informações da Gazeta do Povo, MPF e Live dos irmãos Weintraub no Twitter


A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar.

– Martin Luther King

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar