Prefeitura deixará a concessão da licença não-remunerada sob cargo de cada secretaria da administração pública

O prefeito de Criciúma (SC) Clésio Salvaro (PSDB) anunciou, através de seu perfil no Twitter, que autorizará os servidores municipais a se licenciarem de seus cargos durante a pandemia da Covid-19, porém, a licença não será remunerada. 

Segundo o prefeito, a decisão ocorreu após questionamentos de servidores sobre o assunto. Salvaro utilizou o termo “Lockdown sem remuneração” para explicar a medida. 

Vocês vão ter lockdown, estou assinando o decreto. Lockdown sem remuneração. Não quer vir trabalhar, não tem problema. Quer se cuidar, ótimo, vai ficar em casa. E não vai receber salário. É muito fácil pedir lockdown quando a geladeira está cheia e o salário garantido.

– Clésio Salvaro, prefeito de Criciúma (SC)

Conforme o UOL, o gestor de cada pasta da administração pública (secretários) analisará os pedidos de afastamento de cada servidor, sem prejuízos aos serviços públicos, podendo solicitar contratação temporária para suprir a ausência.

A Prefeitura de Criciúma não adotou medidas restritivas de Lockdown e essa possibilidade foi descartada pelo prefeito. 

As pessoas perguntam se vai ter lockdown, eu digo não. Pelo menos no que depender de mim. Tudo é atividade essencial, trabalhar com todos os cuidados sanitários, colocando a vida em primeiro lugar, saúde sempre com cuidados redobrados. Não há necessidade de parar com a economia, precisa continuar trabalhando.

– Clésio Salvaro, prefeito de Criciúma (SC)

Sindicato reage às declarações do prefeito

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Criciúma (Siserp), Jucélia Vargas, negou que os servidores queiram o lockdown. 

Nem um servidor público está pedindo lockdown para ficar em casa vendo televisão e comendo pipoca. Estamos solicitando que os servidores que são do grupo de risco tenham a possibilidade de trabalhar de forma remota, mas ninguém está dizendo que quer lockdown.

– Jucélia Vargas, presidente do Siserp

Decreto e Licença

O site ND+ publicou uma imagem do decreto. Para acessar, clique aqui. A foto foi reproduzida a partir do Diário Oficial de Criciúma. 

A Revista Esmeril enviou e-mail à Prefeitura de Criciúma perguntando sobre adesão dos servidores ao ‘lockdown sem remuneração’ e posição quanto à declaração da presidente da Siserp. Aguardamos resposta.

Com informações de UOL, ND+ e Twitter do Prefeito Clésio Salvaro.


Quem quer mais que lhe convém, perde o que quer e o que tem.

– Padre Antônio Vieira

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar