O cão pertencia à família das vítimas, mas ainda assim atacou as crianças

Ao final da tarde de domingo (18), agentes da Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) avistaram um pitbull com a boca suja de sangue, durante patrulhamento. Informados de que pertencia à família e havia atacado duas crianças, de 7 e 2 anos, segundo o Diário de Pernambuco, tentaram conter o animal, porém, tiveram que o abater para cessar os ataques.

As crianças foram socorridas encaminhadas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Luziânia (GO). O menino de 2 anos, João Miguel, não resistiu ao ferimento no pescoço e veio a óbito. A criança de 7 anos sofreu ferimentos no braço.

O pai, 34 anos, é uma testemunha foram encaminhados pelos policiais para prestarem depoimento sobre o ocorrido. A mãe, Hanny Espíndola (no Facebook), 32 anos, acompanhou o atendimento das crianças na UPA.

A delegada de plantão determinou a realização de exame de lesão corporal na criança sobrevivente, a autópsia necroscópica na de 02 anos, perícia no local da ocorrência, oitiva das testemunhas e a juntada dos documentos necessários ao prosseguimento da investigação, apurou o Correio Braziliense.

O corpo do animal foi recolhido pelo Centro de Zoonoses de Luziânia para exames. Segundo o jornal Metrópoles, mesmo após ser abatido, pessoas no local queriam estrangular o animal.

Com informações do Correio Braziliense, Diário de Pernambuco e Metrópoles


Apesar da vida humana não ter preço, agimos sempre como se certas coisas superassem o valor da vida humana.

– Antoine de Saint-Exupéry

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar