Ex-Ministro respondeu a pergunta do relator da CPI, Senador Renan Calheiros (MDB/AL)

Nesta quarta-feira (19), o ex-Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, presta depoimento à CPI da Covid-19. O relator Senador Renan Calheiros (MDB/AL) perguntou sobre as propostas da Pfizer e afirmou que o ex-Ministro jamais respondeu à empresa.

O ex-Ministro criticou cláusulas leoninas no contrato e informou que todas as propostas foram respondidas pela equipe administrativa.

Havia cinco cláusulas assustadoras no contrato.

– Eduardo Pazuello

Na primeira proposta, a Pfizer cobraria US$10 por dose, para entregar 30 milhões de doses, enquanto a negociação com Oxford giraria em torno de US$3,45 por dose e entrega de 200 milhões de doses. Também não haveria logística da empresa, sendo o armazenamento e transporte de total responsabilidade do Ministério da Saúde.

Pazuello também confirmou as respostas às propostas enviadas pela Pfizer.

Tenho documentadas todas as respostas enviadas à Pfizer, no âmbito da negociação com a empresa. […] A negociação é feita pela equipe administrativa, pois um Ministro não deve receber empresa, e o Senador (Renan Calheiros) devia saber disso.

[…] A primeira proposta foi de 30 milhões de doses, depois de 70 milhões de doses e fechamos em 100 milhões de doses. Uma negociação exitosa!

– Eduardo Pazuello

Com informações da transmissão do depoimento de Eduardo Pazuello na CPI pela CNN Brasil


Quem mais demora a fazer uma promessa é quem a cumpre mais rigorosamente.

– Jean-Jacques Rousseau

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar