Fernando Azevedo e Silva ocupou a pasta por dois anos e três meses

O Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, pediu demissão nesta segunda-feira (29). A demissão de Azevedo e Silva foi comunicada através de nota do Ministério da Defesa. O ex-general foi chefe do Estado-Maior do Exército, passando à reserva em 2018, quando foi escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro para assumir o Ministério da Defesa, ainda durante a transição.

Nota oficial do Ministro de Estado da Defesa

Agradeço ao Presidente da República, a quem dediquei total lealdade ao longo desses mais de dois anos, a oportunidade de ter servido ao País, como Ministro de Estado da Defesa.Nesse período, preservei as Forças Armadas como instituições de Estado.

O meu reconhecimento e gratidão aos Comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, e suas respectivas forças, que nunca mediram esforços para atender às necessidades e emergências da população brasileira.

Saio na certeza da missão cumprida.

Fernando Azevedo e Silva

Para acessar o link original da nota do Ministério da Defesa clique aqui.

Com informações do Ministério da Defesa


Que as armas cedam à toga, o triunfo militar à glória cívica.

– Cícero

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar