23.5 C
São Paulo
sábado, 28 maio, 2022

FORTALEZA | Vereador remove placa que autorizava homens no vestiário feminino em Escola da Rede Cuca

Revista Mensal
Samara Barricellihttp://www.revistaesmeril.com.br
Samara Oliveira Barricelli é jornalista, Católica Apostólica Romana, mãe e esposa.

A placa utilizava linguagem ‘neutra’ criada pela Ideologia de ‘Gênero’. Também havia uma autorizando meninas no vestiário masculino

Na sexta-feira (29), o vereador Inspetor Alberto (PROS) publicou uma foto em seu Instagram segurando uma placa que estava anexada na porta de um vestiário feminino, de uma escola mantida pela Prefeitura de Fortaleza através da Rede Cuca.

A escola fica no José Walter, em Fortaleza (CE), e é financiada com dinheiro dos pagadores de impostos. Não há Lei permitindo a anexação da placa, tampouco autorizando vestiários e banheiros compartilhados por meninas e meninos na rede pública municipal de educação.

Uma servidora pública ironizou o vereador, dizendo que ele é “pago com o dinheiro de todos nós”, sem utilizar a tal linguagem neutra’, contida nas placas removidas. Inspetor Alberto, que tem 60 anos, respondeu a ironia com calma e apontando o que pode ser um crime.


Estou defendendo os filhos de muita gente que votou em mim. Vou levar [a placa] porque isso aqui é flagrante

— Vereador Inspetor Alberto

Ações contra o Vereador

O Vereador registrou Boletim de Ocorrência (B.O) e solicitou abertura de investigação pela Polícia Civil. Sua fiscalização causou nervosismo em 19 grupos ligados ao Fórum Cearense LGBT, que enviaram representantes ao Ministério Público para acusar o Inspetor Alberto de ‘homotransfobia’, dano qualificado ao patrimônio público e prevaricação.

Também foi registrado um B.O pela Rede Cuca, alegando “abuso de autoridade”, “discriminação e dano”. O caso será investigado pela Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Decec), a qual equipes da Rede Cuca já tiveram que prestar esclarecimentos, segundo o Diário do Nordeste.

Com essas ações, os grupos LGBTs e a Rede Cuca assumem posição favorável ao uso de vestiários e banheiros compartilhados por crianças, adolescentes e jovens, independente de seu sexo.

Motivação do Vereador Inspetor Alberto

Em vídeo publicado nas redes sociais, o Vereador Inspetor Alberto explica que sua atitude está motivada pela necessidade de proteger crianças e adolescentes contra possíveis ações de pedófilos e estupradores, que podem as aproveitar da autorização (não legalizada) para adentrar nos banheiros e vestiários e cometerem tais crimes.

A Esmeril News noticiou neste domingo (31) a condenação de um adolescente de 15 anos, nós Estados Unidos da América (EUA), por se aproveitar da política pró-Ideologia de ‘Gênero’ em sua escola, adentrar um banheiro feminino usando saia e estuprar uma menina de 14 anos.

Com informações de Instagram, Twitter e Diário do Nordeste


No Brasil, a virtude, quando existe, é heróica, porque tem que lutar com a opinião e o governo

— José Bonifácio

Gosta do nosso conteúdo? Assine a Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

Crie rotina e atividades para seus filhos na pandemia

Não deixe as crianças sem rotina e boas atividades.
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img