30.2 C
São Paulo
segunda-feira, 20 setembro, 2021

Estudante proibida pela justiça de cursar engenharia na USP recebe propostas de emprego

Revista Mensal
Samara Barricellihttp://www.revistaesmeril.com.br
Samara Oliveira Barricelli é jornalista, Católica Apostólica Romana, mãe e esposa.

Adepta do homeschooling, jovem foi judicialmente proibida de cursar Engenharia Civil na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP)

A estudante Elisa de Oliveira Flemer (17 anos) recebeu propostas de emprego em grandes empresas, após ser proibida de ingressar na Escola Politécnica da USP, por não ter concluído o ensino médio em uma escola tradicional.

O caso da estudante gerou repercussão nos últimos dias e empresas do setor de engenharia da capital paulista e de Sorocaba, cidade onde a estudante reside com a família, fizeram propostas de empregos para a jovem.

Estou avaliando algumas das propostas com a minha mãe para ver se será possível conciliar as duas coisas – trabalho e estudo – já que nesse momento meu grande objetivo é me formar em engenharia civil e pretendo fazer isso antes de aceitar uma proposta de uma grande empresa. Elisa.

Estudante é proibida de Cursar engenharia na USP

Elisa de Oliveira Flemer (17 anos) é adepta do homeschooling desde 2018 e estuda seis horas diárias, seguindo seu próprio método de ensino.

Elisa relatou ao Portal UOL que optou pelo homeschooling ao perceber que tinha facilidade em estudar sozinha e aprendia as matérias lendo apenas o conteúdo da apostila minutos antes da aula, quando cursava o primeiro ano do ensino médio.

Desde que iniciou o homeschooling, a jovem tem prestado vestibulares para testar seus conhecimentos, sendo aprovada duas vezes em uma faculdade particular, onde conseguiu bolsa integral, devido ao seu desempenho na redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), onde sua nota foi 980.

E no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), Elisa conquistou o 5º lugar no curso de engenharia civil da Escola Politécnica da USP, no ano passado.

Por não ter concluído o ensino médio em uma “escola tradicional” e não possuir o certificado do ensino médio, Elisa foi proibida pela Justiça de cursar engenharia civil na Escola Politécnica da USP. A família da estudante recorreu à justiça no fim do ano passado e o Ministério Público (MP) foi favorável a estudante. Porém a liminar foi negada pela juíza Erna Tecla Maria, que alegou na decisão que a modalidade de ensino homeschooling não é prevista na legislação brasileira.

A jovem disse que ir para a escola havia se tornado algo entediante, pois em 20 minutos entendia todo o conteúdo da aula e ficava o restante do tempo sem fazer nada, apenas olhando para a lousa. Elisa acredita ser um desperdício de tempo porque sempre gostou de aprender e na sala de aula não poderia abrir outra apostila para estudar ou ler um livro. Ela chegou a mudar de escola quatro vezes para tentar uma nova adaptação, mas não funcionou.

Foi uma frustração muito grande porque é uma grande conquista e não poder realizá-la por questões burocráticas foi decepcionante. A gente sabe que é uma ótima faculdade, está nos melhores rankings da América Latina.

Além da aprovação nas faculdades brasileiras, a estudante está na lista de espera de quatro universidades nos Estados Unidos (EUA), país onde a prática do homeschooling é aceita.

Sempre pesquisei muito sobre como as mães americanas fazem, sobre os métodos de estudos que os alunos de lá seguem e como se organizam. Desde muito nova eu sempre quis estudar nos Estados Unidos, passei a fazer cursos online americanos e sigo buscando esse objetivo.

A jovem também pretende se inscrever em várias universidades estrangeiras no decorrer deste ano, para concorrer a bolsas de estudos fora do país.


O princípio da educação é pregar com o exemplo.

– Robert Jacques Turgot

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais do Autor

Crie rotina e atividades para seus filhos na pandemia

Não deixe as crianças sem rotina e boas atividades.
- Advertisement -spot_img

Artigos Relacionados

- Advertisement -spot_img