Senador cobra postura ética e análise mais técnica na Comissão

Nesta segunda-feira (19), o Senador Eduardo Girão (PODEMOS/CE) criticou a falta de serenidade e exploração da CPI para desgastar o Governo Federal. Segundo a Jovem Pan, Girão cobra que os trabalhos sejam desenvolvidos de forma mais técnica e os colegas tenham mais tranquilidade na condução das investigações, pois estão “patinando na ânsia de desgastar o Governo”.

O senador cearense espera que os demais utilizem o período de recesso – até 3 de Agosto – para refletirem sobre o andamento e condução da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). A CPI voltará seu foco para a análise de supostos crimes envolvendo aquisição das vacinas Coronavac e Covaxin e de insumos da AstraZeneca.

De acordo com o Senador, não houve compra de vacinas, portanto, não há materialidade nas acusações. Só há certeza de existência de esquema internacional da Davatti, por um problema apresentado no Canadá, mas nada envolvendo o governo brasileiro.

Até o momento não se conseguiu materialidade, compras não foram feitas. O que a gente viu é que há um grande esquema internacional no caso da oitiva da Davatti, ela já deu problema no Canadá. Pedi para contatar a polícia cadanense, porque me parece que muita gente com más intenções entrou em alguns países, inclusive no Brasil, tentando intermediar vacinas.

Senador Eduardo Girão

Com informações da Jovem Pan


Os homens não desejam aquilo que fazem, mas os objetivos que os levam a fazer aquilo que fazem.

Platão

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar
Ad Clicks : Ad Views :