Ex-Ministro defende a autonomia do país e nega intervenção do presidente no Ministério da Saúde

Nesta quarta-feira (19), o ex-Ministro da Saúde Eduardo Pazuello presta seu depoimento à CPI da Covid-19, que acompanhamos pela transmissão da CNN Brasil. Ao ser indagado pelo relator Senador Renan Calheiros (MDB/AL) sobre as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), Pazuello reafirmou a soberania do país no enfrentamento à Pandemia.

O Brasil é soberano para definir suas próprias ações. […] A OMS dá uma posição, mas as orientações são do Ministério da Saúde. As orientações foram decididas por nós de acordo com os dados existentes.

Eduardo Pazuello

Ao ser questionado, também por Renan Calheiros, sobre possível interferência do presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) no Ministério da Saúde, o ex-Ministro respondeu:

O presidente nunca interferiu em ações da Saúde. Todas as ações da Saúde eram minhas.

Eduardo Pazuello

Pazuello também afirmou que era aconselhado pela equipe técnica do Ministério da Saúde, que conta com muitos médicos, em reuniões quase diárias.

Com informações da transmissão do depoimento de Eduardo Pazuello na CPI pela CNN Brasil


A oposição será sempre popular; é o prato servido à multidão que não logra participar no banquete.

– Joaquim Nabuco

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude a manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar