Regime cubano interrompeu o protesto e internou o artista por “privação de alimentos autoinfligida”.

O artista Luis Manuel Otero Alcántara (33) fez greve de fome por sete dias, em protesto a favor da Liberdade de Expressão e de Criação na Ilha. Líder do Movimento Santo Isidro, Otero foi levado neste domingo (02) para um hospital, por agentes do regime, que decidiu interromper o protesto devido a “privação de alimentos autoinfligida”.

Segundo O Globo, as autoridades do Regime informaram que Otero se encontra estável e imagens da TV Estatal da Cuba mostraram o artista caminhando por conta própria. Em novembro de 2020 o Movimento Santo Isidro organizou uma greve de fome contra a censura, que terminou com a prisão de diversos integrantes.

Com informações de O Globo


Sempre considerei desprezível rastejar por sua vida como se a vida fosse um favor. Se você não pode viver da maneira que deseja, não há sentido em viver

– Reinaldo Arenas

Gosta de nosso conteúdo? Assine Esmeril, tenha acesso a uma revista de alta cultura e ajude manter o Esmeril News no ar!

fim
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados
Revista Esmeril - 2021 - Todos os Direitos Reservados

Leave a Comment

This div height required for enabling the sticky sidebar